Política de Cookies TICNOLOGIA - Directiva Europeia - EU e-Privacy Directive

Este website utiliza cookies na gestão de autenticações, navegação e outras funcionalidades que lhe disponibilizam uma melhor experiêcncia de utilização. Ao utilizar o nosso website, você aceita que nós coloquemos este tipo de cookies no seu dispositivo.

Visualizar toda a documentação sobre o e-Privacy Directive

Home Revisões Tutoriais Tutorial – trocar o cooler da sua placa gráfica


Accelero-L2-ProA ventoinha da sua gráfica já começa a fazer ruídos estranhos? A temperatura do GPU não pára de aumentar? Não desespere! Embora o dono da loja de informática diga que tem de comprar uma gráfica nova, pode sempre evitar gastar mais dinheiro, bastando trocar de cooler e até ganha em termos de ruído!

Pois é, muitas vezes quando nos dirigimos à loja onde comprámos a nossa gráfica, para que nos reparem o cooler que vem de origem, a resposta é na maioria das vezes que não há nada a fazer e que temos de comprar uma gráfica nova, “deitando no lixo” uma placa que funciona perfeitamente, mas que sem cooler de arrefecimento não tem mais utilidade.

Este tutorial vem ajudar aqueles que se encontram neste dilema. Iremos trocar o cooler avariado (ventoinha gripada) de uma Asus 8600 GTS, por um Accelero L2 Pro da Arctic Cooling. Para além de salvarmos uma gráfica que custou cerca de 200 Euros quando nova e que ainda está aí para as curvas, ainda obtivemos benefícios em termos de menos ruído (quase não se ouve com o adaptador a 7V) e arrefece muito mais o GPU da placa, que com o cooler de origem atingia sempre temperaturas superiores a 40C e agora não passa dos 30 mesmo em jogos mais exigentes! E se colocarmos o adaptador de voltagem nos 12V, ainda obtemos mais performance, embora que com mais um pouco de ruído, pois a ventoinha irá rodar a mais rotações.

Início da desmontagem do cooler original:

Para remover o cooler original, basta-nos desaparafusar o mesmo na parte inferior da placa (como vemos na imagem). Podemos também optar por remover primeiro a ventoinha da parte superior, mas este passo é opcional.

Accelero-L2-Pro_912De seguida convém limpar a passa (neste caso a cola!!!) térmica, o que no caso desta ASUS reparámos que a marca cola literalmente o cooler ao GPU, dificultando imenso a remoção desta cola, de forma a prepararmos a superfície do processador gráfico para a colocação do cooler novo. Aliás queremos deixar aqui uma palavra de “agradecimento” à ASUS, por nem sequer se ter dado ao trabalho de nos responder ao email que lhe enviámos, a perguntar se a marca comercializa coolers de substituição. Pareceu-nos que aqui a estratégia é: “tem garantia? Não tem, vai para o lixo!”. Com um cotonete embebido em acetona ou álcool conseguimos a custo limpar o GPU, deixando a cola que restou e que está agarrada ao GPU e que não estorva, pois a acetona podia corroer a camada protectora do processador.

O kit do cooler Accelero L2 Pro da Arctic Cooling traz também umas “prendinhas” extra! Um conjunto de dissipadores passivos, com pasta térmica já aplicada, que podemos colar nos chips da RAM gráfica. Esta também aquece imenso e pode prejudicar a performance e estabilidade do componente, quando opera a altas temperaturas. Com uma borracha para lápis comum, devemos limpar essas memórias, para que a sua superfície adira melhor a estes dissipadores.

Accelero-L2-Pro_920Depois de aplicados os dissipadores da memória gráfica, é tempo de preparar a aplicação do cooler. Devemos preparar os parafusos e anilhas incluídas no kit! Esta é uma parte da aplicação mais “tricky” e que exige que nos concentremos. Leia com cuidado as instruções acompanhantes para que não se engane na aplicação. Depois das anilhas colocadas no lugar, aparafusamos o cooler e temos a tarefa terminada! Basta introduzir, cuidadosamente, o cooler na motherboard e ligar a ventoinha a uma tomada de alimentação com o adaptador de voltagem, que funciona em duas posições, a 7 volts para um funcionamento com menos rotação e menos ruído, e a 12 volts, para utilizações mais exigentes. Atenção que no caso desta ASUS 8600 GTS, o cooler original ligava a ventoinha directamente à placa gráfica, que por software fazia a gestão automática da sua voltagem. Aqui essa funcionalidade deixa de existir, e temos de utilizar o adaptador de voltagem. Certifique-se que a ventoinha está a trabalhar antes de fechar a torre, para não correr o risco de “fritar” o GPU.

Este é um excelente cooler da Arctic Cooling! Aliás não percebemos como é que o fabricante das gráficas não o coloca de origem nos seus produtos, uma vez que o que vinha de origem nesta placa da ASUS deixou muito a desejar. Além de ser muito eficiente e silencioso, é muito barato, e por pouco mais de 10 Euros podemos salvar uma placa de 200, da ida para o lixo.

O design das pás da ventoinha foi estudado para obter o máximo de performance a níveis baixos de ruído, e o seu rolamento de fluido dinâmico, irá fazer com que a placa dure muitos anos, ao contrário do que vinha de origem nesta GTS.

O sistema de montagem é muito flexível e pode ser utilizado tanto em sistemas NVIDIA como ATI, desde a GeForce FX5700 à GTX450, ou das Radeon X1300 às HD5850. Para saber mais sobre a compatibilidade do Accelero L2 Pro, visite a página do produto em: http://www.arctic.ac/en/p/cooling/vga/23/accelero-l2-pro.html?c=2182

Características do Arctic Accelero L2 Pro:

Garantia 

6 anos

Dimensões 

120 x 96 x 52 mm

Ventoínha (mm) 

92

Capacidade de Cooling (Watts) 

100

Velocidades da ventoínha 

900 - 2000 RPM, (PWM)

Fluxo de ar 

27 CFM / 46 m³/h

Rolamento 

Fluid Dynamic Bearing

itemnumber 

DCACO-V3000-BLA01

UPC

0872767002425

Peso

0.34 kg

Online

Temos 48 visitantes em linha