Política de Cookies TICNOLOGIA - Directiva Europeia - EU e-Privacy Directive

Este website utiliza cookies na gestão de autenticações, navegação e outras funcionalidades que lhe disponibilizam uma melhor experiêcncia de utilização. Ao utilizar o nosso website, você aceita que nós coloquemos este tipo de cookies no seu dispositivo.

Visualizar toda a documentação sobre o e-Privacy Directive

Home Notícias Segurança Informática Grupo de resistência iraquiana assume responsabilidade pelo vírus Here you have


worm-here-you-haveO vírus "Here you have” que surgiu pela primeira vez há cerca de 4 semanas, é um novo worm que se disseminou por e-mail, usando sistemas de engenharia social (o nome do vírus provém do assunto das mensagens usadas para espalhar o vírus). Os responsáveis por este worm, que já afectou muitas multinacionais e organizações, incluindo a Proctor & Gamble, Disney, Wells Fargo e a NASA, foi reivindicado por um grupo de resistência no Iraque, Tariq ibn Ziyad, que poderá possuir a sua base em Espanha, de acordo com as investigações efectuadas pelo PandaLabs, o laboratório da Panda Security. 

 

Num vídeo criado no YouTube pelo grupo “Resistência do Iraque - Líder do grupo Tarek Bin Ziad ", e publicado no último domingo, 12 de Setembro por Iqziad (jovem de 26 anos de idade, morador em Espanha), ouve uma voz feminina dissimulada que explica as razões pelas quais este grupo, supostamente baseado em Espanha, ter criado e distribuído o "Here you have”  (classificado pela Panda Security como W32/Visal.A.worm).

Os reponsáveis pelo ataque afirmam que o vírus foi criado e distribuído principalmente para atingir os Estados Unidos, por dois motivos: comemorar o 11  de Setembro e exigir o respeito pelo Islão, com referência à ameaça feita pelo pastor Terry Jones para queimar o Corão última semana.  O vídeo mostra uma imagem estática de um mapa da Andaluzia, em Espanha, juntamente com uma foto e um emblema, que, presumivelmente, do grupo.

Luis Corrons, Director Técnico do Panda Labs revelou o seguinte: “nós passamos o nosso conhecimento deste assunto para a investigação da divisão de crime digital da Guarda Civil Espanhola. Os sinais parecem mostrar que o grupo responsável por este vírus pode ser residente em Espanha, não só por causa das informações apresentadas através do YouTube, mas também por causa de certos aspectos do código do próprio vírus. Existe também a ligação entre o nome do grupo e o general berbere que liderou a conquista do Al-Andalus ".

Tariq ibn Ziyad, (falecido em 720) era um comandante berbere que liderou a invasão muçulmana da Península Ibérica no século VIII, conquistando Hispania visigoda, de acordo com a história geralmente aceite com base em crónicas árabes dos séculos 10 e 11

Online

Temos 69 visitantes em linha