Política de Cookies TICNOLOGIA - Directiva Europeia - EU e-Privacy Directive

Este website utiliza cookies na gestão de autenticações, navegação e outras funcionalidades que lhe disponibilizam uma melhor experiêcncia de utilização. Ao utilizar o nosso website, você aceita que nós coloquemos este tipo de cookies no seu dispositivo.

Visualizar toda a documentação sobre o e-Privacy Directive

Home Notícias Hardware Investigadores da Universidade de Glasgow criam processador com mil núcleos


FPGAProcessadores com 16 núcleos? Isso é para “meninos”! Um grupo de Investigadores da Universidade de Glasgow, desenvolveu um novo processador que contem nada mais nada menos que 1000 cores!

De acordo com os cientistas, estes chips são cerca de 20 vezes mais rápidos que um CPU de um computador normal. Esta investigação pode portanto marcar o inicio de uma nova era de poder de computação, que poderá pulverizar a actual Lei de Moore.

O chefe da equipa de Investigadores, o Dr. Wim Vanderbauwhede da Universidade de Glasgow, na Escócia, em conjunto com cientistas da Universidade de Massachusetts Lowell, garante mesmo que a partir de agora já nada será igual. Estes chips são mais poderosos, enquanto que consomem muito menos energia que um processador comum.

Os Investigadores usaram a tecnologia FPGA (Field Programmable Gate Array), que são chips “pré-fabricados” que incorporam milhões de portas (gates) lógicas no seu interior. Depois por intermédio de programação (VHDL por exemplo) estas portas são combinadas por forma a criar chips inteligentes, capazes de gerar processamento.

Desta forma os cientistas forma capazes de criar 1000 núcleos (cores) dentro destes chips, sendo que cada núcleo trabalha com as suas próprias funções.

Publicado: 6 anos, 6 meses passados por Bangyboy #1601
Aqui está mais um passo para se avançar para um futuro ainda mais tecnológico.
Grande noticia.

Discutir este artigo
Você necessita de fazer login ou registar-se para participar nesta discussão.

Online

Temos 103 visitantes em linha