Política de Cookies TICNOLOGIA - Directiva Europeia - EU e-Privacy Directive

Este website utiliza cookies na gestão de autenticações, navegação e outras funcionalidades que lhe disponibilizam uma melhor experiêcncia de utilização. Ao utilizar o nosso website, você aceita que nós coloquemos este tipo de cookies no seu dispositivo.

Visualizar toda a documentação sobre o e-Privacy Directive

Home Notícias GM desenvolve tecnologia wireless para detecção de peões


WiFi_Pedestrian_Detection_graphic-thumbGM está a desenvolver tecnologia Veículos/Veículo (V2V) e Veículo/Infra-estrutura (V2I). Conectividade Wi-Fi Direct nos automóveis poderá ajudar os condutores a terem maior noção do ambiente exterior durante a condução.

Investigadores da General Motors estão a desenvolver uma potencial funcionalidade de apoio ao condutor capaz de detectar peões e ciclistas em estradas congestionadas ou em condições de fraca visibilidade, possivelmente, mesmo antes do condutor ter noção da sua presença.

Esta funcionalidade baseia-se no Wi-Fi Direct, a norma wireless peer-to-peer que permite a dispositivos como smartphones comunicarem directamente entre si, em vez de recorrerem a pontos de acesso partilhados como as antenas das estações base.

Os investigadores da GM chegaram à conclusão que o Wi-Fi Direct pode ser integrado em outros sensores, que se baseiam na detecção de objectos e sistemas de alertas do condutor e que estão já hoje disponíveis nos automóveis, para ajudar à detecção de peões e ciclistas que transportem smartphones equipados com Wi-Fi Direct.

O construtor está igualmente a desenvolver uma aplicação complementar para smartphones compatíveis com Wi-Fi Direct que poderá ser descarregada pelos utilizadores frequentes das estradas, como por exemplo, ciclistas ou trabalhadores de obras nas estradas, e que ajudará os veículos equipados com Wi-Fi Direct à sua identificação.

WiFi_Pedestrian_Detection_graphic

 

A detecção wireless de peões faz parte do programa da GM de desenvolvimento de sistemas de comunicações veículos-infraestrututra (V2I) e veículo-veículo (V2V) que poderão vir a disponibilizar alertas prévios de perigo a condutores, como por exemplo, avisos sobre veículos parados ou em marcha mais lenta, estradas escorregadias, cruzamentos ou sinais de stop.

“Esta nova funcionalidade wireless poderia alertar os condutores para a presença de peões que estejam a atravessar a estrada e estejam tapados por um carro estacionado ou para a presença de ciclistas que estejam a atravessar o ângulo morto dos automóveis” explicou Nady Boules, GM Global R&D director of the Electrical and Control Systems Research Lab. “O Wi-Fi Direct tem potencial para se tornar parte integrante dos sistemas de apoio ao condutor que oferecemos em muitos dos nossos automóveis como acontece com a Chevrolet”

Ao eliminar a necessidade de um ponto de acesso partilhado e do passo intermédio que é o acesso ao mesmo, o Wi-Fi Direct permite aos dispositivos conectarem-se em aproximadamente um segundo face aos sistemas wireless convencionais que necessitam, habitualmente, de 7 a 8 segundos para obterem informação da localização e se conectarem entre si.

“As conexões rápidas do Wi-Fi Direct oferecem uma vantagem distintiva nas aplicações em veículos” refere Donald Grimm, GM Global R&D senior researcher of perception and vehicle control systems. “Quanto mais rápido o veículo detectar outros utilizadores de Wi-Fi Direct maior o potencial para se evitarem colisões ”

A Wi-Fi Alliance, a associação global da indústria e responsável pela certificação das normas wireless refere que os dispositivos Wi-Fi Direct podem comunicar entre si até uma distância máxima de cerca de 200 metros, o equivalente ao comprimento de dois campos de futebol. Além de ajudar à detecção de peões, este raio de alcance poderá igualmente permitir a transferência segura de ficheiros MP3’s ou informação de agendas telefónicas digitais entre um computador e os sistemas de info-entretenimento ou de navegação de veículos com Wi-Fi Direct. Todas as conexões Wi-Fi Direct estão protegidas por WPA2™, a tecnologia mais recente de segurança Wi-Fi.

“À medida que avançamos para uma sociedade cada vez mais conectada digitalmente ter um automóvel com estas funcionalidades será também cada vez mais importante” explica Thilo Koslowski, vice president of automotive industry analysis at Gartner Inc., a leading information technology research and advisory company. “O Wi-Fi Direct poderá não só ajudar a uma comunicação mais suave entre veículos e os dispositivos de consumo como reforçar também as comunicações veículo-infraestrutura que poderão possibilitar uma melhor gestão do tráfego como uma redução do número de acidentes.”

Online

Temos 99 visitantes em linha